Sebastião Salgado: fotografias e documentário chegam a Lisboa

em Artigos e Entrevistas, Dicas & Tutoriais, dicas de fotografia.

Sebastião Salgado, fotografias, Lisboa, exposição Genesis, Torreão Nascente da Cordoaria Nacional, flagelos da Humanidade , Trabalhadores, Migrações, Genesis, Câmara Municipal de Lisboa, agências de fotografia, Sygma, Gamma, Magnum, Amazonas Images,  focus fotografia, sb 700 manual, ana paula maciel nua, curso de fotografia, vaga de fotografo, focus foto, cursos de fotografia, fiona walker, fotos eróticas de cinco estudantes de escolas públicas de luziânia, focus escola de fotografia, fotografia,curso profissional de jornalismo, focus escola de fotografia, curso técnico de fotografia em sp, escola de fotografia, curso de fotografia sp,  preços dos cursos de fotografia?,  cursos profissionalizantes de fotografia em sp, cursos técnico de fotografia em sp,  curso profissionalizante de fotografia em sp, cursos profissionalizantes de fotografia em sp, escola focus foto,  focus  foto, aulas de fotografia, escola de fotografia focus,  lola melnick playboy, focus fotografia, escola focus de fotografia, escola de fotografia focus, fotografia, cursos de fotografia,  como fotografar relâmpago, focus escola de fotografia, curso de fotografia, cursos de fotografia, fotografia de escola, curso de fotografia em sp, escola focus, focus, melhor escola de fotografia em São Paulo, melhor curso de fotografia em sp, focus,  melhor curso fotografia sp, melhores cursos de fotografia do Brasil, melhores escolas de fotografia do Brasil,  melhores cursos de fotografia sp,  curso fotografia em são paulo,  melhores cursos de fotografia a distancia, escolas fotografia sp, curso de photoshop, escola fotográfica, melhores escolas de fotografia em são paulo,  dicas de fotografia, curso de fotografia online,  curso fotografo profissional sp, curso fotografia de moda, curso vip de fotografia, curso de fotojornalismo, enio leite, curso de casamentos e eventos, fotografia cursos, livro enio leite, livraria Saraiva, curso fotografo pericial, concursos de fotografia, curso fotografia casamento, melhores cursos de fotografias sp, notícias sobre fotografia, concurso publico fotografia, melhor curso de fotografia sp, curso fotografia publicitaria, focusfoto.com.br, fotografia curso, fotografias, curso fotografia profissional, cursos de fotografias, curso foto, melhores cursos de fotografias em sp,

Sebastião Salgado em Lisboa

“Genesis” tem cerca de 250 imagens dedicadas à natureza, que poderão ser vistas no Torreão Nascente da Cordoaria Nacional. Documentário do filho do fotógrafo também tem estreia marcada para quinta-feira

O fotógrafo brasileiro Sebastião Salgado vai estar em Lisboa para inaugurar a exposição “Genesis”, com cerca de 250 imagens dedicadas à natureza, que vão ficar patentes até 2 de agosto, no Torreão Nascente da Cordoaria Nacional.

Uma fonte da organização indicou esta segunda-feira, à agência Lusa, que o fotógrafo e a mulher, Lélia Wanick Salgado, curadora da exposição, estarão presentes na inauguração da mostra, na quinta-feira, às 18:00.   “Genesis” resulta de uma coprodução da Terra Esplêndida, em conjunto com a Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural (EGEAC) e da Câmara Municipal de Lisboa.

As imagens captadas por Sebastião Salgado sobre pessoas e natureza versam tanto os flagelos da Humanidade como os lugares intocados pelo Homem. Têm corrido mundo em livros e exposições.  Esta mostra surge na sequência de dois anteriores grandes projetos de Sebastião Salgado: “Trabalhadores”(1993) e “Migrações”(2000), que abordaram o trabalho manual e o movimento de populações no planeta.

Já “Genesis” é projeto que foi realizado ao longo de quase uma década e é uma homenagem do fotógrafo à grandiosidade da natureza. Ao mesmo tempo, é um alerta para a fragilidade da Terra, mostrando lugares quase intocados que a Humanidade pode perder se não tomar medidas para   preservar.  As imagens, captadas em várias áreas geográficas, serão apresentadas nas seções  “Sul do Planeta”, “Santuários”, “África”, “Espaço s a Norte”e  “Amazónia e Pantanal”.  Imagens de fauna e flora em lugares pouco explorados pelo Homem, mas também as comunidades humanas das selvas do Amazonas e da Nova Guiné são alguns exemplos daquilo que os visitantes podem encontrar, resultado de mais de 30 viagens pelo mundo entre 2004 e 2011.

Outra estreia: um documentário

Também na quinta-feira irá estrear em Portugal, no circuito regular de exibição comercial, o documentário “O Sal da Terra», realizado por Wim Wenders e Juliano Ribeiro Salgado, filho de Sebastião Salgado.  O documentário, distribuído em Portugal pela Midas Filmes, teve estreia mundial na última edição do Festival de Cannes, em maio de 2014, onde recebeu uma Menção Especial do Júri da seção “Un Certain Regard”.  Em Portugal, o filme foi exibido em dezembro do ano passado, no encerramento do Festival PortoPostDoc, no Teatro Municipal Rivoli, no Porto.

Nos últimos 40 anos, Sebastião Salgado viajou por todos os continentes, testemunhando conflitos internacionais, fome e o êxodo de populações, além de ter documentado algumas das paisagens mais grandiosas da natureza do planeta.  Em “O Sal da Terra”, Sebastião Salgado vai narrando algumas histórias por trás das fotografias, nomeadamente as que fez para o projeto “Êxodos”, no qual retratou centenas de homens, mulheres e crianças a morrer de fome, em países como o Mali e o Uganda, entre 1994 e 2000.

Ao lado das imagens humanas mais dramáticas, surgem também as histórias sobre o projeto “Terra”, em que são retratados ecossistemas pouco explorados pelo homem, e que começou nas ilhas Galápagos, onde Darwin recolheu muita informação para formular a teoria da evolução, em 1835.

Em julho do ano passado, o fotógrafo brasileiro lançou em Portugal o livro “Da Minha Terra à Terra”, pela editora Individual, no qual conta pela primeira vez a história pessoal e faz revelações das raízes políticas, éticas e existenciais do seu trabalho.  Nascido a 8 de fevereiro de 1944, em Aimorés, Minas Gerais, Sebastião Salgado é formado em Economia e começou a sua carreira de fotógrafo em Paris, em 1973.

O seu trabalho foi alvo de uma grande exposição em Portugal, em 1993, na inauguração do Centro Cultural de Belém, em Lisboa, onde mostrou também cerca de 250 imagens.  Membro das agências de fotografia Sygma, Gamma e, posteriormente, a Magnum, Sebastião Salgado fundou a Amazonas Images, com a mulher, Lélia Wanick, em 1994, e juntos criaram o Instituto Terra para a reflorestação da Mata Atlântica brasileira.

Fonte: http://goo.gl/TqBUjP  

FOCUS Escola de Fotografia – Desde 1975: http://focusfoto.com.br
Conheça os cursos da Focus: http://focusfoto.com.br/cursos/
Fale com a Focus: [email protected]
Veja  Ultimas Noticias sobre Fotografia: http://focusfoto.com.br/blogs/  

Seja fotografo regulamentado. Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional.
“Faça bem feito, faça Focus! – 1975 – 2015 = 40 anos” 

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)