QXAS – Festival de Fotografia do Sertão Central segue com convocatória de sua segunda edição com o tema “Outros mundos, outros Sertões”

em Exposições, Notícias.

Festival de Fotografia, Sertão Central, Outros Mundos, Outros Sertões, interior do Ceará, Fotógrafos, curadores, críticos de arte, aulas fotografia, visão fotográfica, Focus escola de fotografia, aulas de fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia EAD, escola focus, cursos de fotografia presencial SP, Focus, curso de fotografia online, aula de fotografia, fotografia profissional, cursos EAD, fotografia notícias

Foto: Luiz Mendes dos Santos (foto selecionada na convocatória de 2018)

Os refletores da fotografia estarão focados no interior do Ceará no mês de Junho durante a segunda edição do QXAS, que acontecerá entre os dias 18 e 22 nos municípios de Quixeramobim e Quixadá.

 Fotógrafos, curadores e críticos de arte se dedicarão ao aprofundamento de questões sobre linguagem e estética durante o II QXAS, nessa experiência coletiva de afirmação das identidades dos fotógrafos em ações que levam a democratização do acesso a oportunidades, renovação de conhecimentos e formação de fotógrafos, além de estimular novos olhares sobre o Sertão, tanto nas cidades de Quixeramobim e Quixadá, quanto em outras localidades vizinhas.

Realizado pelo Instituto da Fotografia (iFoto) e AnimaCult, o QXAS lançou sua convocatória com o tema “Outros mundos, outros sertões” desde 15 de abril. Partindo do imaginário da região e das narrativas que apontam relações com seres de outros planetas no Sertão Central, esta edição aposta nos encontros entre diferentes, fortalecendo a alteridade e o respeito às diversidades humanas. Nesta convocatória, o II QXAS reunirá fotografias que narram as múltiplas existências nos sertões e os sertões que se espalham por outros territórios e histórias. Fotógrafos e interessados poderão inscrever-se gratuitamente até o dia 13 de maio.

Orientações sobre inscrição na convocatória:

1 – As fotografias devem ser enviadas para o e-mail convocatoriaqxas@gmail.com, no assunto do e-mail “Convocatória 2019”, máximo de 5 imagens, no formato “JPG”, com as medidas 30x20cm (ou 20×30), 300dpi, entre as 00:00 do dia 15 de abril até ás 23h59 do dia 13 de maio. Os arquivos devem ser nomeados incluindo dados pessoais da seguinte maneira: NomeCompleto(NomeArtistico)foto1.jpg (2, 3, 4 e/ou 5)

2 – No corpo do e-mail, devem estar presentes as seguintes informações: nome completo, nome artístico, naturalidade, telefone para contato com DDD e observações sobre as fotos (se houverem).

3- Poderão ser enviadas imagens em Preto e Branco, Colorido ou produzidas em outra técnica que permita seu envio no formato indicado no ponto 1.

4 – As imagens enviadas não precisam pertencer ao mesmo ensaio, porém, é necessário que estejam alinhadas ao tema proposto nesta edição.

3 – A participação na convocatória implica no reconhecimento da autoria das fotografias e na autorização para tornar pública as imagens selecionadas tanto na exposição quanto na divulgação do festival.

4 – As imagens selecionadas irão compor uma exposição de grande formato que acontecerá durante o festival, nas duas cidades sedes: Quixadá e Quixeramobim, no Ceará.

5 – As fotografias devem ser enviadas sem borda, marca d´agua ou assinatura sobre a imagem.

6 – O recebimento do material não garante a participação no projeto. A quantidade de imagens selecionadas de cada autor ficará a critério da comissão de seleção que será designada pelo Ifoto e a AnimaCult, realizadores do evento.

7 – O resultado da convocatória será informado na página oficial do evento no facebook e também via e-mail, até o dia 25 de maio de 2019.

Dúvidas e contribuições: qxasfestival@gmail.com

Sobre o QXAS – Festival de Fotografia do Sertão:

Em sua segunda edição, o QXAS é um festival de formação e difusão da fotografia brasileira com uma diversa programação que objetiva promover o intercâmbio entre a fotografia cearense e a produção contemporânea brasileira nos campos da expressão e do conhecimento, além de fomentar a produção cultural e artística e contribuir para a democratização do acesso à cultura e difusão da fotografia brasileira. Tudo isso no Sertão cearense, descentralizando ações da capital e capilarizando o acesso a cultura e arte.

Criado em março de 2018, o QXAS apresentou o tema “O Sertão de Antônio Conselheiro”, que norteou a programação e definiu a curadoria das exposições e das ações de formação. Construído de forma colaborativa, o I QXAS proporcionou instigantes discussões e reflexões sobre o fazer e a apreciação da fotografia cearense e brasileira, repercutindo suas ações de forma intensa entre os participantes do evento.

Serviço:

II QXAS – FESTIVAL DE FOTOGRAFIA DO SERTÃO CENTRAL

18 a 22 de junho de 2019 | Quixeramobim e Quixadá

Inscrições para convocatória até o dia 13 de maio através do e-mail qxasfestival@gmail.com

Aproveite para rever mais dicas sobre locais de exposição de fotografias nas suas apostilas, bibliografias e vídeos das aulas de fotografia dos cursos profissionalizante da Escola Focus.

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: G1 - 12/03/2020)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)