O consumidor do futuro

em Artigos e Entrevistas, Dicas & Tutoriais.

consumidor do futuro, dima, pma, fotógrafos brasileiros, mercado fotográfico, internet, câmera digital, imprimir em casa, fotografia com filme, cultura de registrar, fazer sua história, fotografia no futuro, focus escola de fotografia, curso técnico de fotografia em sp, escola de fotografia, curso de fotografia sp, preços  cursos de fotografia, curso profissionalizante de fotografia em sp, cursos profissionalizantes de fotografia em sp,      (11) 3107 2219,   escola focus foto, curso de fotografia em sp, fotografia focus são Paulo,  fotografe melhor, melhores cursos de fotografias online, melhores escolas de fotografia sp,  noticias sobre fotografia, enio leite, escola focus, melhores cursos de fotografia sp, focus fotografia,  melhores escolas de fotografia sp, focus escola de fotografia, cursos vips de fotografia, noticias sobre fotografia, focus foto, cursos de fotografia focus,  escolas de fotografia sp, cursos fotográficos sp, focus foto , curso de fotografia sp, cursos de vídeo Full HD, dicas de fotografia, cursos de fotografia sp, focus foto, cursos de fotografia zona sul sp, melhores cursos de fotografia sp, melhores escolas de fotografia sp, curso técnico de fotografia sp, melhores cursos técnicos de fotografia sp, escolas técnicas de fotografias sp, melhores aulas de fotografias sp,  curso de fotografia em sp, curso de fotografia zona leste sp, curso de fotografia em Santos, cursos de fotografia publicitária, fotografia curso, escola de foto,   Cursos de fotografia zona leste sp, cursos de fotografia zona sul sp, cursos de fotografia zona oeste sp, cursos de fotografia em santos, cursos de fotografia online, escola de fotografia, fotografia, escola focus,   cursos de fotografia zona leste sp, cursos de fotografia zona sul sp, cursos de fotografia zona oeste sp, cursos de fotografia em Santos,  melhores escolas de fotografia para casamentos sp, curso de fotografia focus,  cursos de fotografia zona central sp, cursos de fotografia ABC sp,  curso de fotografia em Santos,

O jovem fotografa mais

Estou escrevendo esta coluna após ter participado do congresso da Dima (Digital Image Marketing Association) e da feira de negócios MPA,  Photo Marketing Association, ambas  em Las Vegas, . Lembro que durante vários anos eu era o único brasileiro presente nas palestras da Dima. Neste ano tive o prazer de ter participado com vários brasileiros.

 Todos interessados em buscar soluções para o nosso mercado fotográfico. Pudemos assim, confrontar nossas ideias e discutir os conteúdos comparando com a expectativa de encontrar um clima negativo em relação ao nosso mercado, mas para a minha surpresa volto com uma esperança nova para o futuro. Os pontos que têm me preocupado recentemente parecem trazer consigo a semente de uma solução para o varejo.

O que tem me deixado preocupado o fato da quantidade de fotos tiradas hoje atingir números estratosféricos, o grande volume dessas  imagens está indo para internet. Em todo o mundo, os usuários mais jovens estão guardando suas imagens em sites de relacionamento. O numero atinge a casa de centenas de bilhões de fotos e apenas um número menor está sendo impresso.

Uma das palestras da Dima foi ministrada por Glenn Omura, PH.D da Universidade de Michigan, que há alguns anos vem pesquisando os hábitos do consumidor em relação a fotografia. Com o tema “ O consumidor do futuro”, sua palestra teve o objetivo de entender se haverá lugar para varejo fotográfico no futuro. Glenn Levou para o palco oito adolescentes para fazer perguntas. Ele também mostrou vídeos de outras entrevistas feitas anteriormente. Todos entrevistados tinham celular com câmera ou câmera digital, tinham hábito de fazer upload de fotos para sites de relacionamento semanalmente e disseram que o faziam para registrar suas vidas.

Quando perguntados se conheciam o photo book, apenas uma das meninas disse ter feito um e achado cara para o dinheiro que ganhava dos pais. Outros também disseram que revelar fotos era caro para sua mesada, inclusive um deles disse que preferia imprimir em casa, pois a tinta da impressora era comprada pelo pai.

Jovens antenados –  Dei-me conta de que se fizéssemos uma entrevista com jovens na época da fotografia com filme, provavelmente nenhum tivesse câmera, muito menos o hábito de fotografar, guardar ou organizar fotos.  Os jovens não tinham recursos próprios para comprar suas fotos, como não tem hoje. Mas os jovens de hoje usam fotografia mais do que qualquer geração. Estão desenvolvendo a cultura de registrar e fazer sua própria historia. Com a fotografia digital, isso pode ser feito sem custo e poder ser a grande diferença para a fotografia impressa.  O uso de sites de relacionamento para arquivar fotos poderá se transformar na escola que vai ensinar o hábito de cultivar a fotografia e valorizá-la como nunca. Isso me leva a crer que eles poderão aumentar o porcentual dos consumidores de fotografia no futuro. O photo book  tem muito mais a ver com esse hábito do que imprimir fotos avulsas.

 Talvez o mercado o mercado não seja tão vigoroso como foi antes, mas poderá ter uma melhora. Devemos tentar entender o futuro para que o presente nos leve a um futuro melhor.

FOCUS Escola de Fotografia – Desde 1975: http://focusfoto.com.br 
Conheça os cursos da Focus: 
http://focusfoto.com.br/cursos/ 
Fale com a Focus: 
[email protected] 
Veja  Ultimas Noticias sobre Fotografia: 
http://focusfoto.com.br/blogs/  

Seja fotografo regulamentado. Obtenha seu registro Mtb de fotografo profissional.
Registro Profissional: Respeito & Cidadania
“Faça bem feito, faça Focus! – 1975 – 2015 = 40 anos” 

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 12/03/2019)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)