Fotógrafa e modelo pin-up Bunny Yeager morre aos 85 anos

em Artigos e Entrevistas, Dicas & Tutoriais, Notícias.

pin-up, fotógrafa, modelom Bunny Yeager, estúdio, Miami,popularizar, biquini, Cindy Sherman, pioneira da nudez, auto-retratos, AP Photo, Ursula Andrews, James Bond, Dr. No, cursos de fotojornalismo sp, cursos de fotografia santos sp, cursos de fotografia zona leste sp,   escolas de fotografia sp,     aulas de fotografia sp, dicas de fotografia, escolas de fotografia, enio leite, escola focus de fotografia, curso de fotografia de book,  cursos de fotografia de estúdio, cursos vips de fotografia, curso de fotografia para profissionais, cursos de photoshop, melhores cursos de fotografia do Brasil,  aulas de fotografia online, fotografia aula sp, focus foto , curso de fotografia sp, curso de fotografia digital, aulas de fotografia sp, cursos de fotografia sp, melhores escolas de fotografia Brasil, cursos de fotografia zona sul sp, notícias sobre fotografia, focus foto, curso técnico de fotografia sp, melhores cursos técnicos de fotografia sp, escola de fotografia de moda sp, curso de fotografia profissional sp, fotografia focus são Paulo,  fotografe melhor, focus curso de fotografia,                   cursos de fotografia sp, Fotografia, escolas de fotografias sp, curso de fotografias sp, notícias sobre fotografia, curso fotografias, melhores curso de fotografias sp, melhores cursos de fotografias Brasil, melhores cursos de fotografia SP,  aulas de fotografia,

Bunny Yeager posa em 2013 ao lado de foto sua em 1952, em seu estúdio em Miami (Foto: AP Photo/Lynne Sladky)

Ela marcou o estilo pin-up e ajudou a popularizar o biquíni nos anos 50. Artista passou para trás das câmeras e tornou Bettie Page famosa em fotos. Bunny Yeager, fotógrafa e modelo pin-up dos EUA, morreu aos 85 anos, no domingo, disse seu agente Ed Christin.

Ela estava internada em um hospício em North Miami havia cerca de uma semana. Como fotógrafa e modelo, ela ajudou a popularizar o biquíni, e influenciou outros artistas como Cindy Sherman. “Qualquer pessoa em Miami nos anos 1950 que queria um biquíni ia até Bunny, e ela fazia um”, disse o agente. 

Pioneira da nudez 

Yeager tornou-se famosa por fazer mulheres comuns, de donas-de-casa a atendentes de companhias aéreas, se sentirem confortáveis o suficiente para mostrar o corpo. Suas fotos de Bettie Page em um maiô de estampa de leopardo ficaram famosas.

“Todas queriam posar para mim, porque eles sabiam que eu não iria tirar proveito delas”, Bunny disse à Associated Press durante uma entrevista de 2013. “E eu não iria forçá-las a ficarem nuas se não quisessem. Não era uma época de nudez predominante”

De modelo a fotógrafa

Linnea Eleanor Yeager nasceu em Wilkinsburg, Pensilvânia, em 13 de março de 1929, e em 1940 tornou-se uma das modelos mais fotografadas em Miami durante o início da sua carreira. Mais tarde, ela começou a fotografar a si mesma, posando em trajes de banho que ela fazia. Seus auto-retratos foram transformadas em um livro, “How I photograph myself “, em 1964.

escola de fotografia sp,  curso de fotografia sp,  fotografia focus são Paulo,  fotografe melhor,       escolas de fotografia sp, curso de fotografia, escola focus,focus, focus fotografia, focus escola de fotografia, focus foto, curso de fotografia sp, curso fotografia, cursos de fotografia sp, escolas de fotografia sp, melhores cursos de fotografia sp, melhores escolas de fotografia sp, cursos de fotografia online, cursos de photoshop, cursos de fotografia zona leste, cursos de fotografia zona sul, sp, cursos de cinefotografia Full HD, cursos vips de fotografia, enio leite, focus foto, curso técnico de fotografia sp, melhores cursos técnicos de fotografia sp, escola de fotografia profissional sp, aulas de fotografia, cursos de fotografia profissional, curso fotografia são Paulo,

*Bunny Yeager em foto produzida por ela mesma em 1960 (Foto: AP Photo/Bunny Yeager)

Ela começou a tirar fotos de Betty Page em 1954, quando começou sua carreira por trás das câmeras. Bunny publicou cerca de uma dúzia de livros e seu trabalho tem sido exibido em galerias de arte em todo o mundo.

Além da foto icônica de Page, ela também tirou fotografias da atriz sueca Ursula Andrews, que estrelou em 1962 o filme de James Bond “Dr. No”. Depois de aparecer nas fotos de Bunny, Bettie Page passou a ser uma das modelos mais conhecidas do mundo, especialmente em imagens de biquíni e lingerie.

Sua figura virou febre e foi estampada em cartas de baralhos e álbuns. Na época, pôsteres sensuais com um toque de falsa inocência decoravam os quartos dos jovens (daí a origem do termo “pin-up”, algo como espetado). Bettie Page também morreu aos 85 anos, em 2008. Carreira retomada Bunny disse que teve pouco trabalho quando várias revistas começaram a falir ao longo da última década, mas sua carreira voltou aos holofotes em 2010, quando o Museu Warhol, em Pittsburgh, realizou uma exposição de seu trabalho. Houve também uma exposição em Miami em 2013. “

E eu ainda tenho um pequeno arrepio quando vejo as fotos na parede”, disse ela sobre a atenção ao seu trabalho nos últimos anos. Em seu estúdio, Bunny matinha um estoque de fotos inéditas. Elas serão incluídos em um novo livro que estava sendo finalizado, programado para publicação em setembro, comemorando o 60º aniversário das primeiras sessões de fotos de com Page, disse Christin. “Eu ainda estou me sentindo como uma criança e animada sobre tudo de novo que aparece na minha vida”, disse Bunny em 2013. “Eu não sei aonde ele vai levar, mas parece bom para mim.”

Fonte: http://goo.gl/EseDdl

Sobre o autor

ATENÇÃO: OS TEXTOS, MATÉRIAS TÉCNICAS, APRESENTADAS NESSE BLOG SÃO PESQUISADAS, SELECIONADAS E PRODUZIDAS PELOS ALUNOS, PROFESSORES E COLABORADORES DA FOCUS PARA USO MERAMENTE DIDÁTICO E COMPLEMENTAR ÁS AULAS DE FOTOGRAFIA NAS MODALIDADES DE CURSOS PRESENCIAIS OU A DISTÂNCIA EAD, MANTIDOS PELA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA, SEM QUALQUER OUTRO TIPO DE PROPÓSITO, RELEVÂNCIA OU CONOTAÇÃO. PARA MAIORES INFORMAÇÕES CONSULTE https://focusfoto.com.br A Focus é a única escola de fotografia no Brasil, que oferece ao aluno o direito de obter seu REGISTRO LEGALIZADO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL, emitido pelo Ministério do Trabalho, por meio de cursos com carga horária total de 350 horas, incluindo períodos de estágio, preparo e defesa de TCC OS CURSOS DA FOCUS ESCOLA DE FOTOGRAFIA SÃO RECONHECIDOS PELA LEI N. 9.394, ARTIGO 44, INCISO 1 (LEI DE EDUCAÇÃO) O REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL é unificado, sendo o mesmo obtido pelas melhores Universidades Públicas do Estado de São Paulo. E você poderá obtê-lo EM QUALQUER MODALIDADE DE CURSOS DA FOCUS, presenciais ou a distância EAD em menos de 6 meses de curso. O aluno obterá seu REGISTRO DE FOTÓGRAFO PROFISSIONAL diretamente nas agências regionais do Ministério do Trabalho e Emprego. Este registro é fundamental para o exercício legal da profissão, constituição de seu próprio negócio, ingressos em concursos públicos e processos admissionários em empresas de fotografia, públicas ou particulares, bancos de imagens, agências de notícias, jornalismo e consularização de seu registro de fotógrafo, caso queira trabalhar em outros países ou Ongs. Internacionais, como "FOTÓGRAFOS SEM FRONTEIRAS" entre outras modalidades. SEJA FOTÓGRAFO DEVIDAMENTE REGULAMENTADO. QUALIDADE E EXCELÊNCIA EM EDUCAÇÃO FOTOGRÁFICA É NOSSO DIFERENCIAL HÁ MAIS DE QUATRO DÉCADAS. Os alunos recém-formados pela Focus competem em nível de igualdade com fotógrafos profissionais que estão no mercado há mais de 30 anos. Na FOCUS, o aluno entra no mercado de trabalho pela porta da frente! Os alunos, após formados, são encaminhados para o mercado de trabalho. Cursos 100% práticos, apostilados e com plantão de dúvidas. Faça bem feito, faça Focus! Há mais de 44 anos formando novos profissionais. AUTOR DO PROJETO e MEDIADOR DESSE BLOG: Prof. Dr. Enio Leite Alves, Professor Titular aposentado da Universidade de São Paulo, nascido em São Paulo, SP, 1953. PROF. DR. ENIO LEITE: Área de atuação: Fotografia educacional, fotografia autoral, fotojornalismo, moda, propaganda e publicidade. Pesquisador iconográfico. Sociólogo, jornalista, físico, fotoquímico, inventor e docente universitário. Fotografo de imprensa desde 1967, prestando serviços para os Diários Associados e professor do Sesc e do Curso de Artes Fotográficas Senac Dr. Vila Nova, São Paulo. Fotografo do Jornal da Tarde em 1972 -1973. Em 1975, funda a FOCUS – ESCOLA DE FOTOGRAFIA, primeira instituição de ensino técnico e tecnológico da AMÉRICA LATINA. No mesmo ano, suas fotos são premiadas na 13ª Bienal Internacional de São Paulo, quando a fotografia passa a reconhecida pela primeira vez como obra de valor artístico. Enio Leite, fundador do MOVIMENTO PHOTOUSP no início dos anos 70, com Raul Garcez e Sergio Burgi, entre outros, no centro acadêmico da Escola Politécnica, na Cidade Universitária, São Paulo-SP. Professor de fotografia publicitária da Escola Superior de Propaganda e Marketing, (ESPM), 1982 a 1984. Mestre em Ciências da Comunicação em 1990, pela Escola de Comunicação e Artes, USP. Doutor em História da Fotografia, Fotoquímica, Óptica fotográfica e Fotografia Publicitária Digital, em 1993, pela UNIZH, Suíça. No ano de 1997 obteve Livre Docência na Universitá Degli Studi di Roma Tre. Professor convidado pela Miami Dade University, Flórida, 1995. Pesquisador e escritor, publicou o primeiro livro didático em língua portuguesa sobre fotografia digital, Editora Viena, São Paulo, maio 2011, já na quarta edição e presente nas principais universidades brasileiras portuguesas. Colabora com artigos, ensaios, pesquisas e títulos sobre fotoquímica, radioquímica, técnica fotográfica, tecnologia digital da imagem, semiótica e filosofia da imagem para publicações especializadas nacionais e internacionais. (Fonte: Agência Estado - 15/08/2020)

Deixe seu comentário

  • (não será mostrado)